Teaching Mission Translations






Back to List of Translations
Print This Document

P-Samuel112902ProgressGroup_PicturesOfMyHomePlanet

P-Samuel_29.11.02_GrupodeProgresso.Imagens_de_Meu_Planeta_Natal

Grupo de Progresso 11:11

Distrito de Illawarra, Austrlia

Instrutor: Samuel

Recebido por George Barnard

29 de novembro de 2002

George: "Eu lhe agradeo, meu caro irmo. Estas so imagens claras. E obrigado por faz-las to maravilhosamente claras. Isso nos ajuda muito" (descrio includa no final).

Samuel: "Boa noite, meus queridos alunos. Eu sou Samuel. Muitos de ns tivemos hoje o privilgio de ouvi-los em suas conversas. Acolhemos muito bem o seu tom positivo e gostamos da luz que se irradia de vocs.

"Em nossas dimenses ns temos gosto na atitude confiante de que todos os obstculos podem ser superados, e que haver um firme e mensurvel crescimento nas realizaes de suas raas.

"Desejo contar-lhes um pouco sobre o meu mundo, para acompanhar as imagens que tambm esto ainda to claras em minha mente. Se vocs se posicionarem a cerca de setenta e cinco quilmetros no espao, olhando para baixo em direo minha terra um continente inteiramente novo, formado pela vetusta coliso de duas velhas terras vero uma massa de terra em forma de losango. Seu extremo norte entra bastante pelos trpicos, at o hemisfrio norte, enquanto que o extremo sul quase toca a regio polar.

"Essa forma alongada est mais ou menos dividida, em metades quase iguais, por uma cadeia montanhosa que se estende pela maior parte de sua largura, do leste mais frtil at quase a costa ocidental. E embora meu planeta tenha um pouco mais de massa de terra do que a sua Terra, temos a sorte de contar com uma crosta agora muito estvel, se comparada do seu planeta.

"Os tremores de terra esto largamente reduzidos e embora lhes possa parecer estranho, na verdade a placidez e a luta espiritual progressista de seus habitantes agora se aproximando de um nmero superior a nove e meio bilhes de almas que responsvel pelo fato de que o planeta material, vivo, esteja tambm em paz e verdadeiramente amado por todos. Ns no mais tememos uma reverso polar, e em muitos lugares essa ampla calma tectnica nos permite erigir nossas construes como estruturas leves e de linhas suaves. Herdamos muito de nossos ancestrais "importados". Somos um pouco mais altos do que vocs, embora nossos dois planetas sejam de tamanhos similares. Tendemos a adotar uma postura mais ereta do que a de vocs, e a cuidar de nossos assuntos de forma menos apressada.

"A maior parte da educao de nossos filhos proporcionada em pequenas escolas locais, com menos estudantes por professor do que vocs esperariam. Nosso maior gasto com a educao de nossos jovens, o que pode estender-se at os quarenta anos, embora em menor grau. A entrada no mercado de trabalho um processo gradual de transio. Mas h tarefas para todos, desde tenra idade.

"Somos vegetarianos e em tempos passados melhoramos e aperfeioamos grandemente os nossos produtos alimentcios, para que contivessem maior concentrao de protenas e minerais, vitaminas e carboidratos, assim como remdios naturais que em geral nos mantm saudveis at uma idade avanada. um passo lgico, vocs vero, que muitas de suas frutas e vegetais um dia venham a conter elementos estimulantes do sistema imunolgico e at antibiticos naturais ou mais ainda.

"E por causa de nossos hbitos vegetarianos que a profisso de agricultor e horticultor tem um lugar de destaque dentre todas as profisses, como uma cincia de grande valor.

"No h despesas com defesa, pois no h conflitos territoriais. Existem agentes (policiais) que s vezes mantm a paz, sim, pois h muito tempo livre destinado aos estudos, diverses, exerccios e prtica da religio embora nem sempre observados pelos jovens para atingirmos o equilbrio fsico e espiritual que necessrio ao progresso.

"Na verdade a fuso espiritual (da alma com o Monitor Divino) ocorre entre ns em nvel planetrio, no apenas em casos isolados.

"Muito do nosso material para embalagem e transporte feito de matria reutilizada e reciclada, e boa parte dele devolvida a um solo j frtil.

"Nossos rios correm caudalosos nas terras altas e a irrigao feita em vastas reas, porque somos uma economia principalmente agrcola. Os direitos de voto so proporcionais idade e s realizaes na vida, sendo geralmente concedidos de forma benevolente. Ns temos, sim, sistemas polticos diversos, mas vocs podem imaginar que s vezes difcil determinar que partido teria uma plataforma especial, pois eles so, na maioria, quase idnticos.

"Ns somos uma raa uniforme. A maioria de ns bem bronzeada e tem as feies admicas com que vocs j esto familiarizados. Nosso planeta foi inicialmente vitalizado com plantas, depois animais e finalmente povoado por humanos de outro mundo, densamente povoado. No evolumos pouco a pouco da mais primitiva vida unicelular, como vocs fizeram.

"Assim vocs tm uma interessante descrio de meu lar planetrio um mundo que atingiu equilbrio bem satisfatrio. So nossos votos que o seu planeta atinja igual estabilidade nos tempos vindouros. Caso essa estabilidade venha logo, como vocs esto aprendendo a preservar seu patrimnio, ficaro com flora e fauna muito mais diversas e teis do que ns jamais conhecemos.

"Este Samuel, com uma breve viso de meu mundo a ainda mais breve viso de seu passado.

"Eu os sado, meu irmo e minha irm e os amo, queridos alunos. Para mim um sonho realizado contar com essa maravilhosa oportunidade de estar sempre em comunho com vocs.

George: obrigado, Samuel. Obrigado, Mateus."

(Nota do Editor: George Barnard tem o dom da visualizao por meio de transmisses de seu instrutor. Os seres celestiais da Misso Instrutora fazem o mesmo com muitos de seus transmissores-receptores, para transmitirem conhecimentos de suas especialidades como antigos mortais em seus reinos planetrios de origem.)

Notas do T-R: vou tentar descrever depois o que nos foi mostrado.

Ao mencionar seus "ancestrais importados", Samuel se refere chegada posterior de seu Ado e sua Eva, tenho certeza. No est claro se j havia sangue admico nos humanos inicialmente transportados para esse planeta pelos Portadores de Vida e Melquizedeques. Ele nos havia dito antes que seu povo foi beligerante por longas eras.

Imagens do Instrutor Samuel

Tema: as imagens do planeta de Samuel

Recebidas por George Barnard

Nossos crebros (e mentes) no podem processar o som e a viso simultaneamente. Nossas percepes aparentemente simultneas de imagens de som e luz se alternam em alta velocidade. Quem deseja ouvir msica com deleite (ou canalizar mensagens celestiais) sabe que se ouve muito melhor com os olhos fechados. Essa tambm a razo para o silncio ser cultivado em bibliotecas e galerias de arte. Vamos l para ver palavras ou admirar obras de arte, sem distraes.

Antes de ouvir essa mensagem, vi bastante do mundo em que Samuel nasceu.

Olhei para baixo, para um vasto e oblongo continente, de uma posio muito elevada sobre o sudeste de seu centro. A massa de terra ao norte havia colidido com a massa de terra ao sul, esta se elevou e produziu as montanhas. A massa norte parecia ter penetrado a parte sul com as suas montanhas.

O novo continente parecia medir cerca de 16 mil por 7,5 mil quilmetros e havia nuvens de chuva se deslocando de ambos os lados das cadeias de montanhas. A regio polar no era to pronunciada quanto a nossa Antrtida.

No pomar de Samuel havia vinhas de folhas ovais apoiadas em trelias, com o que pareciam cerejas-gigantes pendendo de longos ramos: algumas verdes, outras amarelas, alaranjadas, vermelhas ou quase negras. Uma colheita que amadurece intermitentemente e durante uma longa estao, talvez como as uvas-do-monte ("blueberries"). Sua estufa estava cheia de instrumentos. Eu agora o vejo mais como engenheiro gentico do que agricultor-horticultor, como ele se havia apresentado.

Os materiais para embalagens so feitos de fibras vegetais compactadas, especialmente produzidas para esse fim. Elas j contm o gel (cola) que faz as embalagens to fortes quando secas. A planta de razes profundas e traz muitos minerais dos nveis mais profundos do solo, como faz a alfafa. Eu a vi processada e devolvida ao solo negro.

Acredito que haja energia hidreltrica, mas no vi turbinas. Os rios foram quase todos transformados em amplos canais e lagoas para irrigao. Todos os canais se desviam ligeiramente para o sul-sudoeste. Tem-se a impresso de que o planeta conta com chuvas regulares e confiveis.

Grandes imagens! Elas ficaro para sempre em minha memria.

do Grupo de Progresso 11:11

Traduzido por Frederico em Braslia, 30 de novembro de 2004.

END